Levantamento do mastro e benção do bolo fizeram parte da programação

Cerca de 10 mil pessoas estiveram presentes na primeira noite da Festa em louvou a São João Batista em Bocaina. A festa acontece ha 127 anos na cidade e tem como principal atração a passagem dos fieis que caminham descalços sobre o braseiro da fogueira.

Cinco pessoas atravessaram descalças o braseiro da tradicional fogueira de São João Batista na noite deste sábado (23) em Bocaina.Dois são moradores de cidades da região. Três são moradores de Bocaina e não sofreram queimaduras. Após atravessarem o braseiro eles mostraram os pés ilesos.

Um rapaz de 30 anos, morador da cidade de Botucatu sofreu queimaduras e foi atendido no local pela equipe da Defesa Civil e equipe da Saúde. Esta é a primeira vez que ele passa pelo braseiro.

A festa teve ainda levantamento do mastro, benção do bolo, celebração de missa e show sertanejo. A festa segue até o dia 15 de julho e conta com várias atrações musicais, leilão de gado e subida no pau de cebo.

Para garantir a segurança dos fiéis, a Defesa Civil de Bocaina, juntamente com a prefeitura, Comissão de Festas, Polícia Militar (PM) e Arteris Via Paulista, desenvolveu um plano de atuação para com equipes de salvamento de prontidão e reforço no policiamento na região da Praça da Matriz e em vicinais.

 

A tradicional passagem da fogueira em Bocaina marca a vida de moradores e devotos de São João Batista. Desde a montagem e preparação da fogueira até os minutos que antecedem a travessia do braseiro pelos fieis, cuidado e dedicação na preparação do local onde a fogueira é acesa.

Cada detalhe é importante, primeiro a terra é espalhada por cerca de 7 metros de comprimento, onde serão espalhadas as brasas, em seguida, são colocadas as madeiras, que são escolhidas sob olhares atentos, a escolha de troncos mais grossos que são colocados primeiro dão sustentação para que a fogueira não desmonte.

Donizete Moura, fiel e devoto de São João Batista, também acompanhava atentamente a montagem da fogueira. Este é o segundo ano que Donizete vai atravessar o braseiro e se emociona ao contar sobre a expectativa.

De acordo com Donizete, existe toda uma preparação que antecede o momento da passagem que inclui jejum e oração.

“Existe uma passagem na Bíblia em que Jesus pede para que o discípulo Pedro caminhe sobre as águas, Pedro caminha, duvida e por isso começa a fundar, aqui é a mesma coisa, não podemos duvidar” diz.

 

Curta e Compartilhe: