Aumento de 2% deve ser incorporado a folha de pagamento a partir do próximo mês, agosto

Wagão

Prefeitura Municipal de Bocaina comunicou na segunda-feira (15) o segundo aumento salarial para os servidores públicos municipais no ano de 2019. O anúncio foi feito após reunião do Executivo com o Sindicato dos Servidores Municipais.

No início do ano, a prefeitura já havia concedido um aumento 3% no holerite dos funcionários. O reajuste teria ficado abaixo do exigido pelo sindicato, 3.75%.  Desta vez, segundo a prefeitura, o aumento será de mais 2% a partir da folha de pagamento de agosto (que será paga em setembro) chegando a 5%. As informações foram publicadas pelo Jornal Noticiantes deste domingo (21).

Com uma folha de mais de R$1,5 milhão de reais a prefeitura de Bocaina conta com 467 funcionários. Este segundo reajuste já faria parte do acordo feito no início do ano entre prefeitura e sindicato e não precisará ser votado pela câmara de vereadores.

A realidade fiscal enfrentada pela prefeitura de Bocaina, vai na contramão de municípios como Lençóis Paulista. Uma reportagem publicada nesta segunda-feira, pelo G1 Bauru, mostra a realidade do município, com mais de 60 mil habitantes a folha de pagamento dos 2.172 funcionários representa 46,75% da receita.

No início de junho o Tribunal de Contas do Estado emitiu um relatório de alerta, um balanço do primeiro quadrimestre e primeiro bimestre de 2019 onde 553 prefeituras paulistas eram apontadas com excesso de gastos com despesas de pessoal, acima do limite prudencial, 54% da receita, ultrapassando o teto estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

De acordo com o Tribunal de Contas a situação financeira da prefeitura de Bocaina era apontada como desfavorável, demonstrando tendência ao descumprimento das Metas Fiscais.

A reportagem tentou contato durante toda esta segunda-feira (22) com o diretor de finanças da prefeitura de Bocaina, Marco Araújo, para entender melhor se houve melhora no quadro de arrecadação da prefeitura, mas até o momento não obteve retorno.

 

 

Curta e Compartilhe: